Brian Urquhart, ex-conselheiro de secretários-gerais da ONU, morre aos 101 anos
05/01/2021 08:41 em Novidades

Em nota, atual secretário-geral António Guterres prestou tributo ao funcionário fundador das Nações Unidas dizendo que ele esteve no “centro de eventos globais”; Urquhart publicou livro de memórias falando de otimismo e chance de mudar o mundo. 

As Nações Unidas lamentaram o falecimento do ex-funcionário da organização, Brian Urquhart, que morreu no sábado aos 101 anos de idade. Ele foi o segundo servidor contratado pela organização, na qual ingressou em 1945.  

Operações de paz 

Urquhart atuou como conselheiro de cinco secretários-gerais, a partir do primeiro Trygve Lie. Veterano da Segunda Guerra Mundial, ele dirigiu 13 operações de paz e ajudou a recrutar 10 mil boinas-azuis em 23 países.

 

Urquhart também participou do lançamento da primeira operação de paz da organização e teve um papel decisivo na criação da Agência Internacional de Energia Atômica. Em nota, o secretário-geral António Guterres afirmou que o ex-funcionário esteve no centro de eventos globais, que moldaram o destino do mundo nas últimas décadas. 

Memórias 

Ele também expressou profunda tristeza e deu os pêsames à família daquele que chamou um "funcionário lendário e de longa data das Nações Unidas". Brian Urquhart se aposentou em 1986 após uma carreira de 41 anos na ONU. 

Em suas memórias, Urquhart lembra que os envolvidos na formação das Nações Unidas eram “todos otimistas” porque acreditavam “na possibilidade de organizar um mundo pacífico e justo.” Segundo o secretário-geral, Urquhart “manteve esse otimismo ao longo de sua vida, moldando as Nações Unidas e a própria história.” 

Jovens 

António Guterres disse que, ao longo das décadas, o envolvimento do funcionário “em assuntos globais continuou bem depois do fim de sua carreira na ONU por meio de extensos escritos que incluíram biografias definitivas de Dag Hammarskjöld e Ralph Bunche”, secretário-geral e subsecretário-geral da organização.

 

Guterres falou do papel de Brian Urquhart como “mentor de funcionários da ONU e de inúmeros jovens em busca de suas carreiras.”  Ele agradeceu a Urquhart pelas “contribuições brilhantes e incomparáveis” às Nações Unidas. 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!